Do meu Áiphone

[dropcap] M[/dropcap]il e seiscentas dedadas, mais os correspondentes espaços entre palavras. Esta é a descrição fisio-mecânica deste texto. Vamos já saber porquê.

A minha última viagem foi fértil em acontecimentos. A mala de um carro alemão, alugado em Espanha, decidiu vingar-se de um português e comeu a chave. O final da tarde de sexta-feira, divendres, como dizem os catalães, mostrou-se fatídico para as pretensões de sossego de um pobre viajante estrangeiro na Catalunha.

Ao lusco-fusco, numa vilória ribeirinha da Costa Brava, o BMW 320i Berlina – descrição técnica da besta – hirto ao jeito alemão, animado do vil intuito trancou-se por dentro enquanto o diabo esfrega um olho. Dentro da inviolável barriga metálica dessa máquina infernal ficaram todos os pertences do viajante. A roupinha do corpo, a escova dos dentes, a leitura de viagem, a máquina fotográfica e, “o tempora, o mores”, o computador.

[x_video_embed no_container=”true”] [/x_video_embed]Tomado de pânico, assalto o telefone e ligo para os “call centers” do costume. Avis – “Parta o vidro de trás que lhe fica mais barato”; Martelo do restaurante ao lado – “pim, pum, pan, crash” ; Avis (de novo)– “disculpe”, mas esse “coche” não tem acesso à mala e a segunda chave está em Madrid, antes de lunes, que é como os espanhóis dizem segunda feira, nada feito!”; Eu – “sóc futut!”; que é como os catalães dizem estou lixado. No final veio um reboque, trazia um Seat Leon, que rugia dos plásticos e se fazia mal às curvas, carregou o inflexível animal germânico entretanto hibernado e foi-se embora.

Compras de emergência; uma camisa, uma roupinha interior, umas meias; à falta de melhor possibilidade um cavalheiro estrangeiro deve apresentar-se pelo menos asseadinho; e lá segui o meu fim-de-semana o menos mortificado possível. Tudo se havia de resolver. Até esta crónica. Nessa noite, muito lentamente, com a ponta dos dedos, lá fui introduzindo no iphone todas as letras que aqui se apresentam. Uma a uma.

Quem não tem cão, caça sem rato.

 

Publicado originalmente em Julho de 2010