O 10 do Panamá

O pior jogador do mundo

Uma reflexão sobre a fuga fiscal organizada num mundo que quase todos conhecemos: o das Estrelas de Futebol.

(voz de relato)

“E no ataque do Barcelona, a super estrela argentina, mágico no relvado, cinco vezes bola de ouro, craque dos craques, um dos melhores jogadores de futebol de todos os tempos, com o número 10: Panamá.” 

Pode um homem ser julgado apenas pela parte boa da sua vida? Pode um jogador de futebol, por melhor que jogue, ser considerado um deus no estádio, independente da sua conduta como cidadão? Ou pode uns pés de ouro ser afinal de barro?

Lionel Messi e Cristiano Ronaldo têm alternado nos últimos anos no título de “melhor futebolista do mundo” mas quanto à qualidade do homem parece não haver dúvidas.

 Para ler  no Jornal de Notícias